domingo, 4 de dezembro de 2016

Pimentos Padrón Grelhados



pimentos+padrão

Os pimentos padrón, ou pimentos padrão, são excelentes como entrada ou acompanhamento. Gosto lhes pegar no pé para me aventurar a provar. A primeira dentada é sempre pequenina, para lhe sentir o sabor e saber se é dos bravos! É que uns picam e outros não! O mais fascinante é que é impossível distinguir os que picam dos restantes!
Muitas são as formas de os cozinhar, esta é bem simples e muito apetitosa.

Ingredientes
Pimentos padrón q.b.
Azeite q.b.
Sal q.b.

 pimentos+padrão

Modo de preparação
Lave os pimentos e seque-os bem.
Deixe-os inteiros e com o pé.
Grelhe-os com um fio de azeite.
Quando a pele começar a tostar e a descolar-se, vire-os e vá-os pressionando para ficarem bem grelhados na totalidade.
Tempere com sal e retire do lume.

Bom apetite!

Tempo de preparação: 15 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Sim; Apto para crianças: Não; Ingrediente principal: Pimentos padrón; N.º de porções: não aplicável; Prato: Entradas, acompanhamentos

 

domingo, 27 de novembro de 2016

Scones de Maçã e Canela


Scones+canela+maçã

Costumo fazer esta receita com alguma frequência. É excelente para o lanche mas cá em casa faz as nossas delícias ao pequeno-almoço. Geralmente faço-os ao domingo e como têm a vantagem de se manter muito agradáveis por dois ou três dias, costumo incluí-los nos pequenos-almoços semanais.
Esta receita resulta de várias que vi em blogues e revistas mas que acabei por ir modificando de acordo com o meu gosto. Podem ser feitos com farinha sem glúten, integral ou outra da vossa preferência. Os que apresento nesta foto foram feitos com farinha de trigo.
Espero que gostem!

 Ingredientes
Para os scones:
280 g de farinha
1 c. de chá de fermento em pó
60 g de manteiga
100 g de açúcar amarelo
1 c. de chá de canela em pó
leite q.b.
1 maçã 
Para pincelar e polvilhar:
2 c. de sopa de leite
1 c. de sopa de açúcar
1 c. de chá de canela em pó

Scones+canela+maçã

Modo de preparação
Com a ponta dos dedos misture bem a farinha e o fermento com a manteiga à temperatura ambiente, até obter uma massa tipo areia.
Adicione o açúcar, a canela e o leite. Adicione o leite aos poucos na quantidade suficiente até obter uma massa que possa moldar (adicionei um pouco mais do que 150 ml).
Corte a maçã aos cubinhos, com a casca.
Divida a massa em 12 porções e misture alguns cubos de  maçã em cada uma.
Com as mãos molde 12 scones e coloque-os num tabuleiro forrado com papel vegetal, untado com um pouco de manteiga. 
Pincele os scones com as 2 colheres de leite e polvilhe-os com a canela misturada com o acúcar. 
Leve-os ao forno pré-aquecido a 200ºC durante cerca de 25 minutos.
Bom apetite!

Scones+deliciosos+maçã+e+canela


Tempo de preparação: 40 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Não; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Maçã; N.º de porções: 12; Prato: Bolos




domingo, 30 de outubro de 2016

Tapa de Abacate com Gambas


Tapa+de+Abacate+com+Gambas

Tenho o hábito de tentar reproduzir tanto quanto possível as receitas que como fora de casa e que me agradaram de algum modo especial. A sugestão que lhes trago hoje é um desses casos.
Baseei-me na receita de Cocktail de Camarão e Abacate do Chef Henrique Sá Pessoa e adaptei-a para a aproximar da entrada que comi no restaurante Noélia e Jerónimo
O resultado? Aprovado é claro!
 
Tapa+de+Abacate+com+Gambas

Ingredientes
1 Abacate
6 Gambas grandes (1 gamba por tapa)
1 Limão
6 Fatias pequenas de pão alentejano
Maionese e ketchup q.b.
Folhas de coentros q.b.
Azeite q.b.
Sal e pimenta q.b.
Tapa+de+Abacate+com+Gambas

Modo de preparação
Coza as gambas num tacho com água a ferver.
Retire-as e coloque-as  numa taça com água com gelo, uma pitada de sal e um limão cortado em quartos.
Prepare a maionese de acordo com esta receita ou utilize maionese de compra.
Corte o pão alentejano em fatias finase disponha-as num tabuleiro untado com um fio de azeite. Regue as fatias de pão com mais um pouco de azeitr e leve ao forno a 200º durante cerca de 5 minutos.
Descasque o abacate e desfaça-o com o auxílio de um garfo, reservando algumas fatias finamente cortadas. (tenha em atenção a rápida oxidação do abacate).
Misture um pouco de maionese, a gosto, à polpa de abacate e tempere com sal, pimenta e um pouco de sumo de limão.
Misture um pouco de maionese com ketchup.
Para montar a tapa coloque um pouco de abacate laminado sobre cada fatia de pão, coloque depois  maionese com a polpa de abacate e uma gamba. Por cima de cada gamba disponha um pouco de maionese com kecthup e polvilhe com folhas de coentros picadas.
Bom apetite!

Tempo de preparação: 30 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Não; Apto para crianças: Não; Ingrediente principal: Gambas, abacate; N.º de porções: 3; Prato: Entrada

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Noélia e Jerónimo - uma experiência a repetir!



Olá! Está por aí alguém?
Espero que ainda se lembrem de mim! Posso garantir-lhes que a cozinha cá de casa continua ativa e com bons resultados e que o arquivo de receitas que estão em lista de espera para serem publicadas é cada vez maior. Aos poucos, hão-de cá vir parar! Nada está perdido( rsrsrsrs)!

Bem, vamos lá ao que interessa! Não costumo divulgar os restaurantes onde costumo comer, mas ultimamente tenho sido agradavelmente surpreendida pelas escolhas que tenho feito e hoje decidi partilhar uma dessas experiências.

A primeira vez que ouvi falar no restaurante Noélia e Jerónino foi em conversa com uns colegas que não se cansaram de lhe tecer elogios. “Tens de lá ir, é imperdível, eu vou lá todos ao anos, os pratos são divinais, as filas de espera são enormes tens de chegar bem cedo...”

Este ano lá me decidi, aproveitei as férias e dei lá um pulinho para experimentar o tão elogiado restaurante.

O Noélia e Jerónimo situa-se em Cabanas de Tavira, que se localiza no concelho de Tavira, na Marginal próximo do cais de embarque e desembarque dos barcos que fazem a travessia da Ria Formosa e leva os visitantes para a Praia da Ilha de Cabanas, uma verdadeira praia de sonho com um simpático areal de apenas setenta metros de largura e sete quilómetros de comprimento.






Não foi possível marcar mesa pois este é um restaurante muito concorrido e as reservas estavam mais do que esgotadas. Assim, tentámos a nossa sorte já que as mesas da explanada juntamente com 2 ou 3 no interior do restaurante são destinadas aos comensais que chegarem sem reserva. Assim, chegámos pouco depois das 19 horas e lá conseguimos arranjar uma mesa para 4 no interior do restaurante. Devo dizer que fomos atendidos com muita simpatia e profissionalismo.

A cozinha é de grande qualidade e inclui essencialmente pratos de peixe e marisco cuja frescura é um dos pontos fortes a assinalar. Os pratos são originais e os que testámos resultaram em ótimas combinações. A carta de vinhos possibilita um bom acompanhamento das iguarias que nos apresentam, com preços acessíveis.

Iniciámos com  Tapas de Abacate com Gambas e Tapas de Muxama de Atum, ambas aprovadíssimas.

De seguida vieram uns Biqueirões com umas divinais Migas de Tomate, tudo bem confecionado e muito bom gosto.



Provámos ainda as Pataniscas de Polvo com Arroz de Coentros, para mim o melhor e o mais especial dos pratos. O polvo estava super tenro, as pataniscas muito saborosas, bem apaladadas deixando perceber o paladar dos vários ingredientes. O arroz de coentros era divinal.


Os filetes de Peixe Galo com Arroz de Coentros também obtiveram a aprovação das nossas papilas gustativas. Para finalizar este desfile chegou a Açorda de Ameijoas, que apesar de estar saborosa podia podia ter sido apresentada com mais ameijoas e um pouco menos de coentros.


Depois deste banquete ainda arranjámos espaço para a sobremesa, uma Mousse de Lima que cumpriu o seu dever e fechou o evento em beleza.

Muitos pratos ficaram por testar. As iguarias que aqui destaco são a Tapa de Abacate com Gambas que é fabulosa, as Pataniscas de Polvo com o inesquecível Arroz de Coentros e a Mouse de Lima que fez as nossas delícias. Sem dúvida que é uma experiência para repetir!
Até breve!

domingo, 22 de maio de 2016

Conserva de Mini Pepinos


Os mini pepinos que apresento nesta receita estão disponíveis nas lojas de produtos indianos. Nunca os vi à venda noutros locais. São excelentes para acompanhamento de pratos de carne. Ficam crocantes e tenho de vos advertir que são um pouco viciantes. Esta receita pode fazer-se com outros tipos de pepino.
Aqui fica a forma como os preparei. 

Pickles+de+Pepinos

Pickles+de+Pepinos

Mini pepinos
Vinagre de vinho branco
Sal e pipi pipi q.b.

Modo de preparação
Lave os pepinos muito bem sob água corrente.
Tempere-os com sal e deixe de um dia para o outro, virando-os vár
Passe os pepinos  por água corrente e coloque-os em francos esterilizados com pipi piri a gosto.
Encha os francos com vinagre, de modo a cobrir os pepinos, e feche-os.
Deixe repousar nos frascos fechados durante cerca de 2 semanas e depois começe a consumir.
Bom apetite!

Conserva+Pickles+de+Pepino

Tempo de preparação: 1 dia com sal +30 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Sim; Apto para crianças: Não; Ingrediente principal: Pepinos; N.º de porções: Não aplicável; Prato: Acompanhamento

domingo, 8 de maio de 2016

CHILI COM CARNE

Chili+com+Carne
 Fui buscar esta receita de Chili com Carne ao Ingrediente Secreto do Chef Henrique Sá Pessoa. Tinha uns amigos a jantar cá em casa e fazia questão de apresentar uma refeição que agradasse a todos. Foi uma excelente aposta, a receita é de facto muito boa e o jantar fez sucesso! O Henrique Sá Pessoa faz parte dos Chefs que considero extraordinários e cujas receitas sigo com frequência.
Em relação à receita original substituí os cominhos por Garam Massala, simplesmente porque não tinha cominhos em casa e, uma vez que o Garam Massala é um dos meus ingredientes secretos e parecia enquadrar-se bem neste prato, decidi experimentar.
Escusado será dizer que comprei carne de boa qualidade, escolhida ao balcão do talho e picada em casa, o chouriço era de porco preto alentejano, de Vila Nova de S. Bento onde ainda tenho família, o tomate que usei era biológico e muito fresco. É que milagres não há, por muito boa que seja a receita e por muito bom que seja o cozinheiro, acreditem!

Chili+com+Carne

Chili+com+Carne
Arroz+basmatti+acompanhamento

Ingredientes
500 g de feijão vermelho (usei feijão já cozido)
400 g de tomate triturado
500 g de carne de novilho picada
1 chouriço de porco preto
2 malaguetas vermelhas
1 molho de coentros
1 cebola
4 dentes de alho
2 colheres de sopa de polpa de tomate
1 colher de chá de cominhos (coloquei 1 colher de chá de Garam Massala)
1 colher de chá de paprika
1 folha de louro
Azeite q.b.
sal e pimenta q.b.
Modo de preparação
Num tacho, deite um fio de azeite e refogue a cebola e o alho, picados finamente.
Junte uma colher de chá de talos de coentro picados, a malagueta picada, o chouriço cortado em pedaços pequenos.
Junte um pouco mais de azeite, se necessário e uma folha de louro.
Junte os cominhos( ou o Garam Massala) e a paprika e mexa bem.
Coloque a carne picada no tacho e deixe fritar bem no refogado.
Assim que a carne fique mais solta, junte a polpa de tomate e incorpore.
Adicione o tomate triturado e o feijão, envolvendo bem.
Se a mistura ficar muito espessa, corrija com caldo de carne ou água. Mexa bem e deixe cozinhar em lume médio, cerca de 45 a 60 minutos.
Sirva com arroz branco.

Chili+com+carne

Chili

Chili+com-+carne+Henrique+Sá+Pessoa

Bom apetite!



Tempo de preparação: 90 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Não; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Carne Vermelha; N.º de porções: 4; Prato: Principal
 

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Puré de batata-doce com beterraba



Puré+de+Batata+doce+e+Beterraba

Este puré de batata-doce  com beterraba é uma delícia! Servi-o como acompanhamento de um prato de carne e adorei!
As receitas que encontrei eram quase todas idênticas, algumas com leite, enfim com poucas variantes e acabei por o fazer ao meu jeito com as quantidades que me pareceram bem. Depois das batatas reduzidas a puré fui adicionando a beterra aos poucos, até atingir o paladar e a cor que pretendia.
Nesta receita, as batatas de excelente qualidade e a beterraba biológica juntaram-se ao vinagre balsâmico, que tem lugar marcado cá em casa,  e o resultado foi um puré delicioso!
Espero que gostem!


Puré+batata+doce+beterraba

 Ingredientes
750 g de batatas-doces
150 g de beterraba cozida
1/2 colher de sopa de manteiga
vinagre balsâmico q.b.
sal, pimenta e noz-moscada q.b.

acompanhamentos


Modo de Preparação
Descasque, corte aos pedacinhos  e coza as batatas-doces até estarem bem macias.
Retire do lume, escorra a água às batatas.
Com o auxílio de um robot de cozinha, ou com a varinha mágica, reduza as batatas e a beterraba a puré.
Se achar que fica demasiado compacto pode adicionar um pouco de água da cozedura das batatas. Não adicionei, pois gosto do puré bem consistente.
Adicione a manteiga e tempere, a gosto, com sal, pimenta, noz moscada e vinagre balsâmico e  mexa bem..
Bom apetite!

Tempo de preparação: 45 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Sim; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Batata doce; N.º de porções: 4; Prato: Acompanhamento