domingo, 30 de agosto de 2015

Surpresas de Banana



Não sabia como baptizar esta iguaria. Posso garantir que vivi uma agradável surpresa quando a provei, daí surgiu a designação!
É uma boa receita para aproveitamento de bananas maduras, quando já estão naquela fase em que já não sabem tão bem, já passaram do ponto ideal para as comermos ao natural. É igualmente boa quando confeccionada com as melhores e mais saborosas bananas que possamos imaginar!
A receita que originou as minhas Surpresas foi-me transmitida pela minha sogra. O meu maridinho andava deserto para eu a fazer cá em casa! A receita que vos apresento aqui foi modificada por mim, para a tornar um pouco mais saudável do que as receitas do antigamente.  Quanto ao paladar, das duas receitas, arriscaria dizer que é muito idêntico visto o meu marido ter exclamado “É isto mesmo!”, ao provar as minhas Surpresas.
As porções da receita original foram-me transmitidas mais ou menos a olho, pois tudo depende do tamanho e da fase de maturação dos frutos que temos à nossa disposição. O segredo está na consistência da massa que tem de ficar idêntica à da massa das pataniscas. Jogamos com a quantidade de farinha para obter o efeito desejado. A quantidade de açúcar depende da doçura das bananas que utilizamos e do nosso próprio gosto pessoal.
A receita é simples mas, se não as quisermos esturricar, e ter uma surpresa desagradável, temos de as cozinhar em lume baixo a moderado o que exige que passemos algum tempo à volta do fogão.
E agora, querem saber como comer estas Surpresas? Pode ser como sobremesa, ou como snack entre refeições principais e sempre que nos apetecer! Bem, eu gosto delas até com café!

Sobremesa+de+Banana

 Doces+e+sobremesas+de+banana
  
Ingredientes
4 bananas maduras (de preferência)
4 colheres (sopa) de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de açúcar mascavado
Margarina para untar a frigideira


Iguarias+Doces+e+sobremesas+de+banana

Modo de preparação
Esmague as bananas com um garfo.
Junte-lhe a farinha e o açúcar e mexa bem.
Prove e rectifique a quantidade de açúcar a seu gosto.
O preparado deve ficar com a consistência das pataniscas, pelo que pode acrescentar um pouco mais de farinha se verificar que o polme está um pouco mole.
Derreta um pouco de margarina numa frigideira antiaderente, e quando estiver quente deite-lhe algumas colheres do preparado.
Com o lume não muito forte para não queimar, deixe-as tostar dos dois lados.
Pode ir dando pequenos toques com uma colher ou espátula, fazendo alguma pressão sobre as surpresas de banana, para ajudar a cozinhar.
Garanta que o fundo da frigideira está untado com margarina antes de colocar a 2ª rodada de colheradas do preparado.
Vá fazendo Surpresas até esgotar a massa.
Sirva-as mornas ou frias.
Conservam-se no frigorífico 3 ou 4 dias.

Iguarias+Doces+e+sobremesas+de+banana
Bom apetite!


Tempo de preparação: 30 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Não; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Banana ; N.º de porções: 40 Surpresas (aprox.); Prato: Snacks

domingo, 23 de agosto de 2015

Sopa Fria de Tomate com Batata



Hoje em dia é raro adicionar batatas às sopas que faço. Esta sopa fria de tomate que aqui apresento hoje, pode ser feita sem a batata, oh se pode! Já a fiz assim muitas vezes e o resultado foi bastante agradável. No entanto, ao adicionar uma ou duas batatinhas obtém-se um puré mais macio, mais cremoso e delicioso. E já que precisamos de ingerir hidratos de carbono, pois se os cortarmos por completo a nossa saúde não é favorecida, resolvi incluir aqui as batatas.
Não sei o que se passa comigo, ultimamente sinto que o tempo cada vez é mais curto, é difícil fazer tudo o que pretendo em cada dia que passa. Se repararem bem nas receitas que tenho publicado aqui no blogue, a evolução tem sido feita na direcção das receitas simples e rápidas e saudáveis, mas não menos saborosas. Cada vez mais reduzo a quantidade de sal, substítuindo-o por diversos temperos e ervas aromáticas que tornam a comida tão saborosa! Sempre que faço carne ou peixe faço-lhe o tempero com algum tempo e antecedência para que tome sabor. São pormenores que talvez passem despercebidos ao lermos as receitas, mas conduzem a um resultado tão diferente, incomparavelmente melhor, muito mais apaladado.
Espero que gostem desta sopa fria de tomate e batata, saudável e tão saborosa!

Sopa+Fria+de+Tomate+e+Batata

Ingredientes
5 tomates maduros
2 batatas cozidas
1/2 pimento verde
1/2 pepino
2 dentes de alho
4 colheres de sopa de azeite
2 colheres de sopa de vinagre
Cubos de gelo q.b.
Sal grosso q.b.



Sopa+Gaspacho

Modo de preparação
Retire a pele e as sementes aos tomates e corte-os aos bocadinhos.
Retire as sementes ao pimento e corte-o aos bocadinhos.
Descasque o pepino e corte-o também em pedaços.
Adicione os alhos picadinhos.
No copo misturador reduza a puré cerca de 1/3 dos ingredientes já partidos aos bocadinhos e tempere com sal e o azeite.
Deve ficar grossinho, mas se achar o puré demasiado espesso, adicione um pouco de água fresca ou mais cubos de gelo e torne a triturar mais um pouco.
Deite o puré no prato de servir, adicione o vinagre, os restantes ingredientes que cortou aos pedacinhos e mexa bem.
Sirva com um fio de azeite por cima.
Bom apetite!

Tempo de preparação: 30 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Sim; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Tomate ; N.º de porções: 4; Prato: Sopas

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Arroz de Grelos

Arroz de grelos é uma das iguarias que era incapaz de comer quando era criança. À medida que fui crescendo, naturalmente e como acontece a toda a gente, passei a gostar de novos paladares e, quase sem dar por isso, comecei a considerar o arroz de grelos uma verdadeira delícia. A verdade é que não lhe resisto e hoje estava mesmo a apetecer-me. Aqui está ele, espero que gostem! Cá em casa deliciámo-nos!


Arroz+de+Grelos

Ingredientes
350 g de arroz carolino
1 molhinho de grelos de nabo
1 cebola grande
4 colheres de sopa de azeite
2 dentes de alho
1 folha de louro
Sal e pimenta q.b.
Água

Arroz+de+Grelos+Delicioso

Modo de preparação
Prepare os grelos aproveitando as pontas e as folhinhas mais tenras.
Leve ao lume um tacho com a cebola picada finamente, a folha de louro e o azeite. Deixe a cebola ficar translúcida sem a deixar ganhar cor. Junte os dentes de alho picados e os grelos e deixe-os saltear um pouco até ficarem macios.
Acrescente água a ferver, cerca do dobro da medida do arroz.
Tempere com sal e pimenta.
Quando retomar a fervura, adicione o arroz e deixe-o cozer em lume reduzido e com o tacho tapado.
Sirva-o de imediato a acompanhar carne ou peixe.

Bom apetite!


Tempo de preparação: 30 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Sim; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Arroz; N.º de porções: 4; Prato: Acompanhamento

domingo, 9 de agosto de 2015

Chantilly Caseiro




Férias são sinónimo de patuscadas com os amigos ou com a família, até às tantas, e de mesas cheias de iguarias que não costumamos comer regularmente. Tenho como princípio garantir uma alimentação equilibrada e saudável por aqui, pelo que o chantilly se encontra na lista de gulodices que só entram cá em casa em alturas de férias ou de alguma comemoração.

Fazer chantilly caseiro é muito simples e muito mais saudável do que o que se compra já feito, cheio de conservantes. Costumo colocar ingredientes e utensílios no congelador, um pouco antes de fazer o chantilly, e o resultado tem sido sempre muito bom, quer em sabor quer em consistência.

Esta receita também pode ser utilizada para fazer chantilly salgado, bastando substituir o açúcar por uma pitada de sal. Experimentem a adicionar-lhe cebolinho picado, pimenta e um pouco de noz de moscada, e sirvam-no por exemplo com salmão fumado. Vão ver o resultado!


Ingredientes
200 ml de natas
50 g de açúcar
Gotas de limão q.b.


Mode de preparação
Coloque no congelador as varas que vai utilizar para bater as natas, a taça onde vai bater as natas e o pacote das natas durante cerca de 30 minutos.
Passados os 30 minutos, deite as natas na taça da batedeira e comece a bater.
Adicione o açúcar em fio sem parar de mexer. 
Quando as natas começarem a ficar mais sólidas adicione umas gotas de limão e continue a bater até chegar à consistência desejada.
Tenha cuidado para não bater demais, pois corre o risco de ficar sem chantilly!
Reserve o chantilly no frigorífico até à sua utilização.

Coma o chantilly com morangos ou como sugerido aqui.

Bom apetite!

Tempo de preparação: 10 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Sim; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Natas; N.º de porções: Não aplicável; Prato: Sobremesa

domingo, 2 de agosto de 2015

Abóbora Assada com Tomilho


Gosto muito de abóbora, especialmente da biológica, independentemente da sua variedade. E como tenho sempre muita abóbora em casa, a sua presença à mesa é muito frequente aqui por estes lados.
Cá em casa, ao jantar comemos com frequência carne ou peixe apenas com legumes ou salada. A receita que hoje partilho convosco é uma alternativa aos legumes mais habituais, com a vantagem de ser bem simples e muito agradável. Esta abóbora, temperada com tomilho, serviu de acompanhamento a um prato de coelho. Achei a combinação deliciosa.
Experimentem e depois contem-me qual foi a vossa sensação. Combinado?

Abóbora+Assada+com+Tomilho


Ingredientes
Abóbora
Alho
Louro
Paprica
Tomilho
Azeite
Sal e pimenta

Acompanhamentos


Modo de preparação
Lave e corte a abóbora em cubos. Se a casca for tenrinha não a retire.
Tempere com alho picadinho, louro, paprica e sal e pimenta a gosto, envolvendo bem.
Disponha a abóbora num prato de ir ao forno e tempere com um fio de azeite.
Leve ao forno preaquecido a 200º C cerca de 20 a 30 minutos ou até a abóbora estar macia.
Depois de pronto sirva de imediato como acompanhamento.

Bom apetite!

Tempo de preparação: 40 minutos; Dificuldade:*; Vegetariano: Sim; Apto para crianças: Sim; Ingrediente principal: Abóbora; N.º de porções: Não aplicável; Prato: Acompanhamento